Quais sao os crimes em especie?

Quais são os crimes em espécie?

Crimes contra a pessoa

  • Homicídio. Classificado no artigo 121 do CP.
  • Lesão corporal
  • Furto.
  • Roubo.
  • Extorsões.
  • Estelionato.
  • Peculato.
  • Corrupção passiva.

O que se entende por crime de atentado?

Crime de atentado é aquele a que a lei atribui punição idêntica tanto para a tentativa quanto para a consumação. Trata-se da aplicação da teoria subjetiva, segundo a qual deve-se observar o aspecto subjetivo do delito, da perspectiva do dolo do agente.

O que é um crime omissivo impróprio?

É o crime que se perfaz pela simples abstenção do agente, independentemente de um resultado posterior, como acontece no crime de omissão de socorro, previsto no artigo 135 do Código Penal, que resta consumado pela simples ausência de socorro. O agente se omite quando deve e pode agir.

O que é um ato comissivo?

Os crimes comissivos, ou de ação, são os crimes em que o agente ou o sujeito ativo, aquele que pratica o crime, age de forma positiva (por meio de uma ação, e não de uma omissão). Nesse sentido, temos o crime de roubo previsto no art. 157 do Código Penal Brasileiro.

LER:   O que fazer quando o notebook nao quer conectar no Wi-Fi?

O que é crime comissivo omissivo?

No crime comissivo por omissão ou omissivo impróprio, o dever de agir é para evitar um resultado concreto. Nesses crimes, o agente não tem simplesmente a obrigação de agir, mas a obrigação de agir para evitar um resultado, isto é, deve agir com a finalidade de impedir a ocorrência de determinado evento.

Como estudar crimes em espécie?

Os crimes em espécie devem ser estudados, para fins de concursos públicos, principalmente, através dos códigos penais comentados. Os bons livros desta espécie, além de esclarecer sobre o que configura a figura típica, também correlaciona com assuntos de direito penal referente a parte geral.

Qual a Diferença entre aberratio ictus e aberratio criminis?

Enquanto na aberratio ictus o desvio recai sobre a pessoa vítima do crime, na aberratio criminis o desvio recai sobre o objeto jurídico do crime, ou seja, na primeira, embora errando no golpe, a ofensa continua a mesma, mudando apenas a gravidade da lesão; na segunda, existe um resultado de natureza diversa do …

LER:   Como transformar o celular em uma interface de audio?

O que é uma pessoa Atentada?

Significado de Atentada Atentada é o feminino de atentado. O mesmo que: levada, endiabrada.

Qual a diferença entre crime omissivo próprio é impróprio?

Crime omissivo próprio: há somente a omissão de um dever de agir, imposto normativamente, dispensando, via de regra, a investigação sobre a relação de causalidade naturalística (são delitos de mera conduta). Crime omissivo impróprio: o dever de agir é para evitar um resultado concreto.

Qual a diferença entre o crime omissivo próprio e o impróprio?

O crime omissivo divide-se em omissivo próprio e omissivo impróprio. Os primeiros são crimes de mera conduta, como, por exemplo, a omissão de socorro, aos quais não se atribui resultado algum, enquanto os segundos, os omissivos impróprios, são crimes de resultado.

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo