Qual a importancia do hip hop no contexto social para os jovens na atualidade?

Qual a importância do hip hop no contexto social para os jovens na atualidade?

A pesquisa sugere que o Hip Hop pode ser um recurso pertinente nas práticas socioeducativas, possibilitando a reflexão crítica de jovens em situação de vulnerabilidade social sobre os seus contextos, no resgate da trajetória de vida, construção identitária e participação social.

Quais eram os movimentos sociais do Hip Hop?

O movimento Hip Hop surgiu entre a década de 60 e 70 no Estados Unidos, na cidade de Nova York, por jovens negros, caribenhos e hispânicos, enquanto um movimento cultural. A cultura Hip Hop tem três formas principais de expressão: o rap (música), o break (dança) e o graffiti (desenhos, imagens).

O que falar sobre o Hip Hop?

Hip Hop é uma cultura popular que surgiu entre as comunidades afro-americanas do subúrbio de Nova York na década de 1970. A música é a principal manifestação artística do hip hop, que também tem na dança e no grafite forte representação. Dos Estados Unidos, a cultura hip hop se espalhou pelo mundo.

LER:   Como Incorporar um video?

O que expressa o hip hop?

Hip Hop é uma cultura de rua, uma forma de arte e de atitude que conquistou o mundo. E o movimento expressa tudo isso por meio da arte: congrega música, discursos/poesia, dança e grafite. É uma manifestação cultural e artística híbrida, contemporânea, espelho dos nossos tempos.

Qual a importância do Hip Hop para as comunidades periféricas?

O Movimento Hip Hop através de suas práticas se estabelece como uma forma de intervenção político-cultural levada a efeito no espaço vivido da periferia. Desse modo, propicia o encontro dos jovens, contribuindo para a formação de grupos não apenas artísticos, mas também políticos.

Qual a importância do Hip Hop na vida dos jovens da periferia?

Por sua luta pela igualdade e denúncias contra a discriminação racial, o hip hop tem papel de destaque no mês da consciência negra. “O hip hop é um movimento completamente ligado ao povo negro. Principalmente, ao povo de periferia. “Ele é o instrumento que usamos para poder falar de consciência negra com os jovens.

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo